Cardápio vegano aparece como alternativa


Alimentação saudável vai além da retirada de determinados tipos de alimentos

Luana Silva | Foto: Acervo Pessoal

Uma parte da população tem se preocupado cada vez mais com a alimentação, como é o caso da fisioterapeuta Ilza Santos Heckert,  35 anos. Ela conheceu o veganismo através de um amigo, há seis anos. Após isso, mudou seu olhar sobre o que comia “e o impacto disso no planeta e sobre outras vidas”. Para ela, precisamos descascar mais e abrir menos.

Porém, para a nutricionista Laís Martins, comida vegana não é sinônimo de alimentação saudável. “Apesar de ser melhor do que as fontes de origem animal, se a pessoa não tiver o controle ela acaba comendo um monte de produtos industrializados também. Os produtos veganos que são industrializados também não são saudáveis porque contém conservantes, corantes, gordura saturada, sódio”, explica a nutricionista.

Para Ilza, a alimentação vegana faz parte de sua identidade de forma tão intensa que ela resolveu estender esse aspecto da sua vida para a profissão e hoje trabalha no ramo alimentício. “Um amigo fazia parte de uma empresa de alimentação vegana e me levou para lá. Era uma cooperativa e cada um fazia um pouco. Eu entrei quando a cooperativa fez cinco anos e saí no ano passado. Construirmos juntos muita coisa, até que um dia tive que seguir meu caminho e hoje tenho a minha própria microempresa de alimentação. Eu trabalho com comida há um bom tempo e adoro. É a minha forma de falar para as pessoas  ‘tá vendo, se for pela alimentação, você não precisa causar dor e sofrimento ao animais’”, conta Ilza.

“As pessoas que aderem à dieta, têm que saber como compensar as deficiências nutricionais decorrentes da não ingestão de carne e produtos lácteos. A dieta vegana sendo adequadamente planejada é saudável, proporcionando benefícios para saúde. Além disso, é preciso realizar um aporte extra de vitaminas com o uso de alimentos ricos nesses elementos, o uso de suplementos  B12 (comprimidos) ou mediante uma injeção periódica”, salienta a nutricionista Lorena Pinheiro.

Ilza também ressalta que a alimentação vegana é só um detalhe dentro do veganismo. “Veganismo vai além da alimentação. Ele é ética, é cuidado, é amor, é respeito”, afirma.

Share