Documentário retrata relação de gays com religiões que os negam

Documentário retrata relação de gays com religiões que os negam

Vídeo traz 15 minutos de depoimentos impactantes de jovens e suas trajetórias espirituais em paralelo com sua descoberta sexual

Carla Ribeiro | Foto:  Igreja Cristã Contemporânea/Divulgação

“É o grupo mais intolerante da pós-modernidade”. A citação é do pastor Silas Malafaia sobre os homossexuais, mas facilmente revela uma questão ainda mais profunda: a crescente intolerância religiosa com relação a esse grupo.

Afastados das comunidades evangélicas, muitos homossexuais acabam por se ver pressionados a abandonar seus costumes religiosos e até a sua fé. Graças à ideia comumente disseminada no meio cristão de que a homossexualidade seria uma questão de escolha e um pecado abominável, homens e mulheres que declaram amar pessoas do mesmo sexo veem sua necessidade de conexão espiritual com Deus ser abafada por grupos mais extremistas.

 

Pensando nisso, lancei um documentário independente para abordar os conflitos presentes na vida de jovens católicos, evangélicos e espíritas que são declaradamente gays ou lésbicas.

Homônimo do livro Entre a cruz e o arco-íris, de Marília César, o documentário traz 15 minutos de depoimentos impactantes de jovens e suas trajetórias espirituais em paralelo com sua descoberta sexual.

Assista ao documentário:

Share